08/11/2019 - Educação corporativa da ESMAFE/RS promove curso na PGE do Rio de Janeiro

Professora Taís Schilling Ferraz ministrou curso sobre redação de ementas


A educação corporativa da Escola Superior da Magistratura Federal do RS (ESMAFE/RS) acaba de fornecer qualificação para mais uma instituição: a Procuradoria Geral do Estado do Rio de Janeiro (PGE-RJ). O curso Técnicas para Redação de Ementas aconteceu na última semana e foi direcionado a procuradores e servidores do órgão.


Ministrado pela professora Taís Schilling Ferraz, juíza federal e mestre em Direito, o projeto foi formulado especialmente para a PGE/RJ. Taís explicou aos alunos a função e as partes da ementa em uma peça jurídica, demonstrando a maneira de empregar uma linguagem adequada e normalizada. Além disso, discorreu sobre como elaborar enunciados que sintetizem e questão objeto de julgamento, observando critérios de abstração.


Sobre formular um curso específico, Tais aposta em uma construção conjunta. “Num curso como este, precisamos mergulhar na realidade específica do órgão, procurando conhecer um pouco da sua realidade e dos seus desafios. O conteúdo e a metodologia devem ser totalmente adaptados a essa realidade, e devemos estar abertos, ao longo do curso, para a construção conjunta do conhecimento, a partir do compartilhamento das experiências”, destaca.


Educação Corporativa


Uma das estratégias utilizadas por empresas públicas e privadas para otimizar seus resultados é investir em ferramentas que qualifiquem pessoal e aprimorem processos produtivos. A Educação Corporativa tem sido a grande aliada nesse caminho. Fenômeno em crescente expansão, esse movimento de ensino é uma das frentes da Escola Superior da Magistratura Federal no RS (ESMAFE/RS).


A ESMAFE tem constituído parcerias para a implementação da Educação Corporativa em diversos órgãos. Tribunais, Procuradorias, Seções Judiciárias e escritórios jurídicos tem a sua disposição a possibilidade de qualificar seus colaboradores por meio da expertise e larga experiência do corpo docente da Escola.


Para a educação corporativa, a proposta da ESMAFE/RS é criar cursos específicos para o atendimento da instituição solicitante, com atenção às necessidades descritas e foco nas competências a serem desenvolvidas. Tanto o conteúdo dos cursos, como sua carga horária são definidos em conjunto com a instituição num autêntico projeto conjunto.

Imagens: Assessoria PGERJ